Início Sociedade Saúde Pelo menos 565 mil mortos e mais de 12,7 milhões de infetados...

Pelo menos 565 mil mortos e mais de 12,7 milhões de infetados no mundo

A pandemia do novo coronavírus já causou a morte a pelo menos 565.363 pessoas e infetou mais de 12,7 milhões em todo o mundo desde dezembro, segundo um balanço da agência AFP baseado em dados oficiais.

De acordo com os dados recolhidos pela agência de notícias francesa até às 11:00 de Lisboa, mais de 12.741.270 casos de infeção foram oficialmente diagnosticados em 196 países e territórios desde o início da epidemia, no final do ano passado na cidade chinesa de Wuhan, dos quais pelo menos 6.792.900 foram considerados curados pelas autoridades de saúde.

A AFP adverte que o número de casos diagnosticados reflete apenas uma fração do total real de infeções, já que alguns países estão a testar apenas casos graves, outros usam o teste como uma prioridade para rastreamento e muitos países pobres têm apenas capacidade limitada de rastreamento.

Os Estados Unidos, que registaram a primeira morte ligada ao coronavírus no início de fevereiro, são o país mais afetado em termos de número de mortes (134.815) e casos (3.247.782). Pelo menos 995.576 pessoas foram declaradas curadas. Depois dos Estados Unidos, os países mais afetados são o Brasil com 71.469 mortes para 1.839.850 casos, Reino Unido com 44.798 mortes (288.953 casos), a Itália com 34.945 mortes (242.827 casos), e o México com 34.730 mortes (295.268 casos).

A China (excluindo os territórios de Hong Kong e Macau) contabilizou oficialmente um total de 83.594 casos (sete novos casos entre sábado e domingo), incluindo 4.634 mortes e 78.634 recuperações. A Europa totalizou 202.399 mortos para 2.828.270 casos, Estados Unidos e Canadá 143.624 mortos (3.355.128 casos), América Latina e Caraíbas 143.176 mortos (3.324.405 casos), Ásia 42.852 mortes (1.734.122 casos), Médio Oriente 20.199 mortes (909.922 casos), África 12.976 mortes (578.055 casos), e Oceânia 137 mortes (11.371 casos).

A AFP dá nota de que esta avaliação foi realizada utilizando dados recolhidos junto das autoridades nacionais competentes e informações da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Fonte: O Pais

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

Moçambique pede à China alívio na dívida de 1.100 milhões de euros

A dívida total de Moçambique à China ronda 1,3 mil milhões de dólares (1,1 mil milhões de euros) e o país lusófono pediu um...

A primeira reação da Juventus após CR7 testar positivo à Covid-19

A Juventus emitiu, esta quarta-feira, nas plataformas oficiais o primeiro comunicado oficial onde fala sobre a situação clínica de Cristiano Ronaldo, que testou positivo...

Youtube remove vídeo do Governo brasileiro sobre o uso de máscaras

O Youtube removeu hoje da sua plataforma um vídeo da Fundação Alexandre de Gusmão, órgão ligado ao Ministério de Relações Exteriores do Brasil, que...

COVID-19 pode causar problemas na audição

Médicos alertam que a COVID-19 pode causar a perda auditiva súbita e permanente, nalguns doentes, depois de ter sido relatado o primeiro caso, esta...

Recent Comments

%d bloggers like this: